quinta-feira, novembro 04, 2004

NÃO EXISTEM PALAVRAS...

Podia estudar - e saber -
Todas as línguas, palavras
Podia aprender - e ler -
Todos os livros do mundo;
Mesmo assim...
De nada serviria,
Porque nenhuma palavra
Te descreveria...
Podia escrever
Textos e textos
Poemas e poemas...
Para quê?
Continuarias sem perceber
O quanto tu és linda para mim,
O quanto me invades
O quanto me fazes voar...
Nem com linhas infinitas
Nem com versos, estrofes perfeitas, escritas
Te posso mostrar o que és para mim...
Como descrever a perfeição?
Como descrever o que sente o coração?
Basta fechares os olhos...
Sorri e deixa-me dar-te a minha mão,
Deixa-me mostrar-te que és a rainha do meu coração!

David Serrano Sobral